e você veio aqui pra que?

Para fazer tudo o que você já fez errado é o que não foi. Ninguém acorda, escova os dentes, dá bom dia para o espelho e pensa: Com o que eu posso F*D*R hoje? Que parte da minha vida eu posso piorar? Como fazer para que fulano não goste de mim? Como dificultar meu trabalho e dos outros?

Eu, no caso, acordo esperando que o dia seja mais bacana que o anterior. Torço para ter a oportunidade de ser uma pessoa melhor. Desejo que eu não faça nada que magoe alguém. But…

People change, things go wrong, shit happens, but life goes on

Às vezes tenho a impressão que erros podem te mandar para o limbo. Não importa o que você aprendeu, a chance de você mostrar isso parece nula. Nem preciso falar do desânimo que dá. Mas acredite, tenho certeza que se você tivesse a porta “consertar a m***a” e “não fazer bobagem” escolheria a segunda.

Na verdade não adianta falar sobre erros, mas sobre o que acontece depois. E é a forma como você lida com isso que vai determinar se a gente se entrega para a culpa e só chora, ou aprende que é muito mais importante “perdoar a si mesmo”, antes que alguém possa perdoar a gente.

Então não deixe para amanhã o que você pode fazer agora, respire fundo umas três vezes, sinta que a vida está aí e se perdoe para que você possa criar as suas próprias oportunidades para se tornar melhor. (E ser feliz, por favor!)

Anúncios

=]

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s