31 de dezembro de 2006

Não esqueço a data do céu mais bonito que já vi. E pensar que só foi possível ver aquele montão de estrelas porque uma “cidade” inteira ficou sem luz na passagem do ano.

O banho para receber 2007 foi gelado, quase no meio da rua, a “ceia” foi alguns pedaços de fruta… mas do contrário do que pode parecer, foi pura abundância….

…abundância de novas possibilidades que se abriam ali na minha frente porque eu percebi que era necessário me desprender de tudo que até um tempo atrás eu entendia como “certo”.

Acho que na verdade o termo não é “certo”… mas sim entender que não existem CERTEZAS.

Tudo está em movimento… ontem, hoje e amanhã acontecem ao mesmo tempo.

Você cura seu “ontem”, quando vive bem o seu “hoje” e assim possibilita que seu “amanhã” seja melhor ainda. Tudo ao mesmo tempo.

E sim, mais estrelas vão brilhar no “céu”… assim que deixarmos de dar tanta importância para as luzes da “cidade”.

Anúncios

=]

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s