Um dia na vida de uma Ju

O dia começa cedo… tem neném novo vindo aí… mais precisamente uma sobrinha.

Mas na hora do almoço a luz da vida, dá lugar ao luto. Um dos mais velhos vai embora, e no lugar dos choros testando e descobrindo os novos pulmões… o que se ouve são choros de dor… hora contidos… hora esbravejantes…. mas choros de uma saudade que não vai passar, de uma dor que toma corpo e espírito…. se vai passar, bem, pela minha experiência elas vão para gavetinhas dentro da gente… mas não passam.

Refazendo-se depois de cumprir o ritual de deixar o ciclo da vida chegar ao seu fim…. o choro da vida chama, e o caminho é para a maternidade…

A vida é estranha… às vezes faz com que sorrisos brotem no rosto e enchem o corpo de vida, eu acredito que felicidade é vida.

Mas ela também sabe tirar o sorriso do rosto, a felicidade vai embora… e vida? Bem não há mais vida. Sobra a escuridão.

P.S.: essa é uma história beeeem real, que aconteceu no dia de hoje, mas essa Ju não sou eu.

Anúncios

=]

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s